Dislipidemias

Dislipidemia é definida como a alteração dos níveis sanguíneos de lipídios (gorduras) circulantes. O aumento de alguns tipos de lipídeos no sangue está diretamente ligado com a formação de placas de ateroma nas artérias, causando obstrução na passagem do fluxo sangüíneo (aterosclerose).

Os lipídios são umas das principais fontes de energia e necessários para a absorção de vitaminas lipossolúveis.

Os lipídios mais importantes são: 

Lipídio Tipo Função
Fosfolípides
  • Função estrutural das membranas celulares e das partículas de lipoproteínas.
Colesterol
  • Está presente em todas as células do corpo
  • Precursor de vários hormônios esteróides (que dependem da gordura para serem produzidos)
  • Precursor da vitamina D
  • Precursor de ácidos biliares. 
Triglicérides (TG)
  • Fornecimento de energia
Ácidos
Graxos
Saturados
Insaturados:
Poliinsaturados
(Ômega 3 e Ômega 6)
Monoinsaturados
  • Fornecimento de energia
    Síntese de moléculas


O que são as Lipoproteínas?
  • Transportadores e auxiliam na solubilidade dos lipídeos

As Lipoproteínas são divididas em dois grupos: 


Ricas em TG Ricas em Colesterol
Quilomicrons (origem intestinal) LDL (Lipoproteína de baixa densidade)
VLDL (Lipoproteína de muito baixa densidade – origem Hepática) HDL (Lipoproteína de alta densidade)


A Dislipidemia é dividida de acordo com a alteração do lipídio que ocorre no organismo:


Dislipidemia Definição
Hipercolesterolemia
  • aumento dos níveis sangüíneos de colesterol (LDL -”colesterol ruim”)
    LDL: ≥ 160 mg/dL
Hipertrigliceridemia
  • aumento dos níveis sangüíneos de triglicérides
    TG: ≥ 150 mg/dL
Hiperlipidemia mista
  • aumento dos níveis sangüíneos de triglicérides e de colesterol
    LDL: ≥ 160 mg/Dl
    TG: ≥ 150 mg/dL
Redução do HDL (“colesterol bom”) isolada ou associada ao aumento de TG e/ou LDL
  • redução do HDL
    Homens: < 40 mg/dL
    Mulheres: < 50 mg/dL


Hipercolesterolemia:


Além de verificar os níveis de colesterol total no sangue (soma do LDL e do HDL) é importante a verificação das frações de colesterol: 


Tipo de Colesterol Função
LDL
  • transporte e depósito de colesterol nos vasos sangüíneos, obstruindo os vasos (pode formar a aterosclerose)
HDL
  • retirar o colesterol ruim das artérias, impedindo a obstrução dos vasos sanguíneos.


Quando a Hipercolesterolemia é diagnosticada é necessário modificar alguns hábitos alimentares:

- Diminuir a ingestão de colesterol e de ácidos graxos saturados na dieta, ou seja:
  • Vísceras
  • Leite e seus derivados integrais
  • Embutidos
  • Frios (presunto, mussarela, salame,...)
  • Peles de aves
  • Frutos do mar (camarão, marisco, ostra, polvo, lagosta)
  • Evitar alimentos como: óleo de coco, azeite de dendê, manteiga e gordura hidrogenada.
- A gordura saturada faz com que aumente os níveis de colesterol no sangue, por isso:
  • Evite preparações fritas. De preferências aos grelhados, assados ou cozidos.
  • Dar preferência a carnes magras e sem gordura ou pele
  • Evitar alimentos industrializados, pois estes possuem maior quantidade de gordura saturada

Os ácidos graxos insaturados (Poliinsaturados e Monoinsaturados) possuem em sua composição gorduras mais saudáveis ao organismo:

Àcidos Graxos Insaturados Função Função
Poliinsaturados
(Ômega 3 e Ômega 6)
↓ Colesterol Total
↓ LDL – Colesterol
Ômega 3: Soja, Canola, Linhaça e peixes de água fria (salmão, arenque, sardinha)
Ômega 6: Óleo de soja, milho e girassol
Monoinsaturados ↓ LDL – Colesterol Óleo de oliva e canola, azeitona


Ao contrario dos ácidos graxos insaturados, os ácidos graxos trans são muito prejudiciais à saúde:


Ácidos Graxos Trans Função Fonte
Sintetizado durante o processo de hidrogenação dos óleos vegetais ↑ LDL – Colesterol
↑ TG
↓ HDL – Colesterol
Gordura hidrogenada utilizada em: sorvete, chocolate, biscoitos, margarina, entre outros.


As fibras solúveis contidas em alimentos como frutas, aveia, farelo de aveia tem como função diminuir o tempo de trânsito intestinal e diminuir a absorção de colesterol, auxiliando no controle da Hipercolesterolemia.

Hipertrigliceridemia:

Neste caso o aumento de triglicérides no sangue, pode acumular na parede das artérias, dificultando assim a circulação de sangue.
Os hábitos alimentares devem ser revistos, a fim de corrigir erros que possam agravar os níveis de triglicérides e/ou colesterol do organismo.

Na alimentação deve-se:
  • Dar preferência a pães e massas integrais
  • Evitar os carboidratos simples (pães, massas, pizza, macarrão, lasanha, arroz, doces, bebidas alcoólicas).
  • Dar preferência a leite e derivados desnatados aos integrais
  • Dar preferência a carnes magras
  • Evite preparações fritas
  • Restringir a ingestão de bebidas alcoólicas

Em ambos os casos, a prática de atividade física é de essencial importância, pois auxilia no aumento do HDL no sangue. É bom lembrar que os exercícios devem ser feitos com o acompanhamento de um profissional capacitado e com a supervisão de seu médico.

Para ambos os casos, a prática de atividade física, aliada a uma alimentação adequada rica em fibras e hábitos de vida saudáveis ajudam na manutenção dos níveis normais de lipídios no sangue.


               


 

Nutrição e Care
Nutrição Esportiva
Nutrição e Estética
Nutrição e Fases da Vida
Home Care
Nutritional Coaching
Personal Diet

Alimentação

Alimentação na Infância

Alimentação na Gestação
Alimentação do Idoso Alimentos Funcionais
Alimentação na Escola

Doenças

Alergia e Intolerância
Desnutrição
Diabetes
Dislipidemias

Gastrite
Úlcera
Doença do Refluxo
Obstipação Intestinal
Distenção Abdominal

Diverticulose
Hipertensão Arterial
Obesidade
Oncologia
Transtornos Alimentares


Menu principal

Equipe
Exames
Consultoria
Cursos
Mídia
Contato

Livros
Receitas